Harmonização Facial

Preenchimento facial 

O preenchimento facial dá volume às áreas onde é aplicado. Suas indicações concentram-se na região perioral, onde pode corrigir defeitos cirúrgicos, assimetrias faciais, dar volume aos lábios e bochechas, o que contribui para o conforto e a estabilidade de algumas próteses; por exemplo, quando se confecciona uma prótese total, ou mesmo sobre implantes, para dar volume e sustentação aos lábios, antes, era necessário aumentar a quantidade de resina acrílica nas próteses, o que, feito em excesso, deixava-as desconfortáveis. Hoje, pode-se substituir parte dessa resina nas próteses, aumentando diretamente o volume dos lábios. Nos casos de pequena retração da papila interdental, onde se forma o chamado ‘black space’, com uma simples injeção é possível aumentar o volume das papilas, evitando ter que substituir próteses ou realizar cirurgias periodontais mais invasivas.

 Também é possível usar ácido hialurônico para preencher o código de barras nas regiões de lábio e nos sulcos naso-labiais. “Também pode ser usado para as pessoas que querem dar volume ao lábio, principalmente quando realizamos trabalhos estéticos de mudança de sorriso e percebemos uma assimetria de lábio.”

Durabilidade dos tratamentos 

 No preenchimento facial, o principal fator que determinará a duração é a característica do material preenchedor que, no caso dos materiais absorvíveis, geralmente duram de um a dois anos. “As principais vantagens começam por serem recursos terapêuticos rápidos, simples, pouco invasivos, bastante seguros e reversíveis, que apresentam ótimas alternativas ou complementos para uma grande variedade de tratamentos”.
 

Comentários